Archive for março \22\UTC 2016

Sessão Brega – Arrocha – Alo Porteiro – Tairone Cigano

março 22, 2016

Pegue as suas coisas que estão aqui
Nesse apartamento você não entra mais
Olha o que me fez você foi me trair
Agora arrependida você quer voltar atrás
Já deu
Cansei de suas mentiras mal contadas
Cresci não acredito mais em contos de fadas
Não adianta vir com baixaria

Morreu
O homem carinhoso fiel que te amava
Pegue o elevador, e sua mala e vaza
Tô avisando agora a portaria
Que aqui você não entra mais

Alô porteiro
Tô ligando pra te avisar
Acabo de ficar solteiro
Já desço ai com o dinheiro
Chame o táxi que eu vou pagar

Alô porteiro
Tô ligando pra te avisar
Essa mulher que vai sair
Ela não pode mais subir
Ta proibida de entrar

Sessão Brega Arrocha – Meu violão e nosso cachorro

março 21, 2016

Simone e Simaria

Pode ficar aqui sou eu quem vou partir
O que a gente construiu não é preciso dividir
Fizemos tantos planos, compramos tantas coisas
Mas o amor é longe disso
Precisamos de um tempo em relação a nós dois
Depois decidimos o final, espero que seja um final feliz

Se o nosso amor se acabar eu de você não quero nada
Pode ficar com a casa inteira e o nosso carro
Por você eu vivo e morro
Mas dessa casa eu só vou levar
Meu violão e o nosso cachorro

Se amanhã a gente se acertar, tudo bem
Mas se a gente não voltar posso beber, posso chorar
E até ficar no soro
Mas dessa casa eu só vou levar
Meu violão e o nosso cachorro

Fizemos tantos planos, compramos tantas coisas
Mas o amor é longe disso
Precisamos de um tempo em relação a nós dois
Depois decidimos o final, espero que seja um final feliz

Se o nosso amor se acabar eu de você não quero nada
Pode ficar com a casa inteira e o nosso carro
Por você eu vivo e morro
Mas dessa casa eu só vou levar
Meu violão e o nosso cachorro

Se amanhã a gente se acertar, tudo bem
Mas se a gente não voltar posso beber, posso chorar
E até ficar no soro
Mas dessa casa eu só vou levar
Meu violão e o nosso cachorro

Meu violão e o nosso cachorro

Pop Internacional – Hello – Adele

março 20, 2016

Hello, it’s me
I was wondering if after all these years
You’d like to meet, to go over everything
They say that time’s supposed to heal ya
But I ain’t done much healing

Hello, can you hear me?
I’m in california dreaming about who we used to be
When we were younger and free
I’ve forgotten how it felt before the world fell at our feet

There’s such a difference between us
And a million miles

Hello from the other side
I must’ve called a thousand times to tell you
I’m sorry, for everything that I’ve done
But when I call you never seem to be home

Hello from the outside
At least I can say that I’ve tried to tell you
I’m sorry, for breaking your heart
But it don’t matter, it clearly doesn’t tear you apart anymore

Hello, how are you?
It’s so typical of me to talk about myself
I’m sorry, I hope that you’re well
Did you ever make it out of that town
Where nothing ever happened?

It’s no secret
That the both of us are running out of time

So hello from the other side
I must’ve called a thousand times to tell you
I’m sorry, for everything that I’ve done
But when I call you never seem to be home

Hello from the outside
At least I can say that I’ve tried to tell you
I’m sorry, for breaking your heart
But it don’t matter, it clearly doesn’t tear you apart anymore

Oh, anymore
Oh, anymore
Oh, anymore
Anymore

Hello from the other side
I must’ve called a thousand times to tell you
I’m sorry, for everything that I’ve done
But when I call you never seem to be home

Hello from the outside
At least I can say that I’ve tried to tell you
I’m sorry, for breaking your heart
But it don’t matter, it clearly doesn’t tear you apart anymore