Archive for outubro \29\UTC 2009

Telas e Palcos: Pinceladas na programação

outubro 29, 2009

Image3

Alguem precisa dar um toque nos apresentadores da TV brasileira. Erros de português grosseiros tem sido ouvidos até na poderosa Globo. Outro dia, Ana Maria Braga soltou algo como “peça para eu”. Fernanda Lima abusou tanto do “tu vai”, “tu quer” que doeu nos ouvidos até de quem não liga para erros de concordância.

***

Viver a vida aos poucos vai mostrando suas tramas. Está mais ou menos evidente que Tais Araujo não emplacou (pelo menos até agora) como protagonista. Alinne Moraes vai dando show a parte com sua Luciana. José Mayer está um galã muito ferino e mau humorado tratando as mulheres quase como lixo. Não dá.

***

Apesar da atuação forçada de estrelas de ocasião como Heloisa Perissé e da vilã da vez Paola Oliveira (que está com a boca estranha parecendo que colocou excesso de botox, será?) Cama de Gato vem agradando ao público. Camila Pitanga como a doce Rose, Marcos Palmeira e os veteranos valem o esforço em acompanhar a historia.

***

A Globo resolveu “colar” uma novela na outra a exemplo do que a Record já faz há algum tempo. Assim, mal a divertida Caras e Bocas termina já começa o dramalhão das nove, Viver a Vida. Falando em Viver a Vida as imagens da Jordânia valem os capítulos desta semana. Só não convence duas coisas, uma delas semana de moda em país mulçumano, segunda, uma modelete fazer questão de desfilar em Petra. Não convenceu.

Anúncios

Que fim levou: Denise Dummont – a ex-sex-simbol hoje vive em Nova York

outubro 5, 2009

Maria de Fatima Dannemann

Até o início dos anos 80, Denise Dummont incendiou a imaginação dos homens e provocou inveja das mulheres por posar nua em revistas masculinas e ganhar o status de sex-simbol. Nascida Denise Bittencourt Teixeira, filha do compositor Humberto Texeira, parceiro de Luis Gonzaga, ela atuou como atriz em vários filmes e novelas da Globo até que se casou com o produtor Matthew Chapman, bisneto do cientista Charles Darwin, e foi morar em Nova York. Deu um tempo na carreira para criar os dois filhos Diogo (do casamento com Cláudio Marzo) e Anna Bella (do atual marido) mas nos ultimos anos fez uma participação em uma série da TV Cultura e produziu um filme resgatando a carreira do pai.

Como atriz, uma de suas últimas novelas foi Corpo Santo, da Rede Manchete. Na Globo ela participou de Ciranda Cirandinha (seriado que, entre outros, lançou Fabio Junior), Marron Glacê, Marina, Quem ama não mata. No cinema, foi vista em Rio Babilônia, O beijo da mulher aranha, entre outros.

Fonte: Wikipedia

Bookmark and Share

Cirque du Soleil – algumas letras

outubro 4, 2009

ALEGRIA

by René Dupéré

Allegría
Come un lampo di vita
Allegría
Come un pazzo gridar
Allegría
Del delittuoso grido
Bella ruggente pena, seren
Come la rabbia di amar
Allegría
Come un assalto di gioia

Allegría
I see a spark of life shining
Allegría
I hear a young minstrel sing
Allegría
Beautiful roaring scream
Of joy and sorrow, so extreme
There is a love in me raging
Allegría
A joyous, magical feeling

Allegría
Come un lampo di vita
Allegría
Come un pazzo gridar
Allegría
Del delittuoso grido
Bella ruggente pena, seren
Come la rabbia di amar
Allegría
Come un assalto di gioia
Del delittuoso grido
Bella ruggente pena, seren
Come la rabbia di amar
Allegria
Come un assalto di gioia

Alegría
Como la luz de la vida
Alegría
Como un payaso que grita
Alegría
Del estupendo grito
De la tristeza loca
Serena
Como la rabia de amar
Alegría
Como un asalto de felicidad

Del estupendo grito
De la tristeza loca
Serena
Como la rabia de amar
Alegría
Como un asalto de felicidad

There is a love in me raging
Alegría
A joyous, magical feeling

MARELLE

Solkio estouma
solkio djabo si tou
Kolio estou sve djabo
solkio estou djabo si tou

Solkio estouma
solkio djabo si tou
Kolio estou sve djabo
solkio estou djabo si tou

{repeat till the end}



QUIDAM

Your world is yours
not mine Quidam.
Your dreams are yours.
You may have touched the stars
but they weren´t moved.
And if you reach for me
I may not choose
to hold your hand.
I might smile
or I might turn away.

An ordinary man, Quidam.
I´m everyman.
I´m anyman.

Quidam, Quidam
La nuit recule.
D´un rêve à l´autre tu valses.
Du creux de toi
c´est bien le mal
qui dresse tes silences.
There´s nothing left.
There´s nothing right.
There´s nothing wrong.
I´m one, I´m two.
I´m all yet none of you.
The truth, the lie,
the tear, the laughter,
the hand and the empty touch.
Here I am alone
waiting for the curtain call.

An ordinary man, Quidam.
I´m everyman. T´es l´inconnu.
I´m anyman. T´es l´étranger.

Quidam, Quidam
La nuit recule.
D´un rêve à l´autre tu valses.
Du creux de toi
c´est bien le mal
qui dresse tes silences.
Bailo en este lienzo de dolor.
Funàmbulo sin mapa ni brùjula.
La dulce locura mi sòlo refugio.
Nazco en la sombra del payaso.

Quidam, Quidam
La nuit recule.
D´un rêve à l´autre tu valses.
Du creux de toi
c´est bien le mal
qui dresse tes silences.

Quidam, Quidam
aux rives du rêve.
Au seuil de l´ombre, tu valses.
Autour de toi
c´est bien le mal
qui dresse tes silences.

Quidam, Quidam
La nuit recule.
D´un rêve à l´autre tu valses.
Du creux de toi
c´est bien le mal
qui dresse tes silences.

Bookmark and Share

Uêba - Os Melhores Links