Filme vencedor do Oscar em Cartaz

image3

Fatima Dannemann

Finalmente hoje entra em cartaz de norte a sul do pais “Quem quer ser um milionário” vencedor do Oscar de Melhor filme e vários outros prêmios inclusive o de melhor direção para Danny Boyle. O filme conta a história de Jamal, um jovem pobre da periferia de uma grande cidade indiana, que participa de um programa de televisão, vence mas é acusado de trapaça. Trata-se de um filme muito diferente dos anteriores do diretor Boyle, conhecido pelo frenesi pop de “Cova Rasa” (1995), “Trainspotting” (1996), “A Praia” (2000) e “Extermínio” (2002). Entre outras coisas, porque o cineasta de 52 anos, inglês de Manchester, nunca havia pisado na Índia e topou o desafio de fazer um filme naquele país. Metade dos diálogos são em hindi, idioma que ele não entende. Para superar os desafios, Boyle contou com a parceria de uma co-diretora hindu, a documentarista Loveleen Tandan. Além do Oscar, o filme ganhou vários Bafta, Globo de Ouro, filmes de sindicatos e de associações de críticos. Foi rodado na Índia, com elenco local e desbancou queridinhos do público e até filmes mais indicados como “O curioso caso de Benjamim Button”. O filme vai estar em cartaz nos principais cinemas da cidade.

Dos quadrinhos para o telão

Mais um filme que vem diretamente dos quadrinhos para os cinemas: Watchmen outra estréia desta semana. Quando um de seus colegas é assassinado, o “vigilante mascarado” fora-dalei Rorschach resolve desvendar um esquema feito para matar e desacreditar todos os heróis passados e presentes. Quando ele retoma contato com sua ex-legião de luta contra o crime – um grupo dispersado de super-heróis aposentados, dos quais apenas um tem poderes de verdade –, Rorschach enxerga uma ampla e perturbadora conspiração que traz elos com seus passados em comum e consequências catastróficas para o futuro. A missão deles é vigiar a humanidade. Fiel ao espírito da obra original, o longa, dirigido por Zack Snider (“300”), discute a relação entre humanos e super-herois, num curso histórico alternativo (Nixon ainda é presidente dos Estados Unidos no ano de 1985), e suas consequências.

Para quem insiste em gostar de musicas e artistas sertanejos

O elenco parece um catálogo ou dicionário de tantos nomes. A história é dramática cheia de “oh, coitadinhos” no papel principal, o cantor “breganejo” Daniel. Cheio de lamúrias, sem nada de novo, mas com total apoio da “titia” rede Globo, O Menino da Porteira é outro filme que estréia essa semana. È o tipo do filme que nem vale a pena gastar com o ingresso pois em breve a TV vai estar exibindo numa das telas quentes da vida. Mas, se alguém fizer absoluta questão, fica a dica.

Boas dicas entre as continuações

Quem ainda não viu tem a chance de conferir A Troca, de Clint Eastwood com Angelina Jolie e John Malkovitch continua em cartaz na Sala de Arte da Aliança Francesa, Barra. Este é um filme que vale a pena ver. Revive o clima noir dos anos 40, Angelina está ótima como feia e pobre, e Malkovitch o espectador so reconhece ao ler os créditos finais. Outras continuações que valem a pena ser conferidas são O Leitor, que leva a batuta do mesmo diretor de As horas e tem a Oscarizada do ano, kate Winslet, no papel principal, e Barry e a Banda das Minhocas, um desenho bem humorado que faz uma homenagem ao tempo das discotecas.

Tags: ,

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: