Archive for dezembro \16\UTC 2008

Oz Bambaz – Manuela

dezembro 16, 2008

É coisa de maluco!
perfeita simetria…
seu nome é Manuela a mais bonita da Bahia
jeito de criança, corpo de mulher
todo mundo sabe, eu faço tudo q ela quer
pq…
pq ñ sei viver sem teu amor
Não sei!!!
a vida inteira eu te procurei…
Paixão!!!
Eu não sei viver sem teu amor…
Sei não!!!
agora é só viver essa emoção…
ô Manuela!
vc mexeu mexeu vc mexeu mexeu
e o meu coração bateu bateu bateu
mais forte eu vi que era todo seu
ô Manuela!
vc mexeu mexeu vc mexeu mexeu
e o meu coração bateu bateu bateu
mais forte eu vi que era todo seu
Seu só seu só seu…
Seu só seu só seu…
Seu só seu só seu…

Anúncios

É Xeke – Tchuco

dezembro 15, 2008

Mas é que eu gosto mesmo é de fazer

Tchuco, tchuco, tchuco, tchuco, gostoso
Tchuco, tchuco, tchuco, tchuco, do povo
Tchuco, tchuco, tchuco, tchuco, gostoso
Tchuco, tchuco, tchuco, tchuco, do povo
Tchuco, tchuco, tchuco, tchuco, gostoso
Tchuco, tchuco, tchuco, tchuco, do povo

Mas quem é que não tem uma fantasia de amor
Venha minha tchuquinha
Eu sou o seu cobertor
Amor de gueto é assim
É uma loucura sem fim
Não importa o dia nem hora
Em qualquer lugar pega fogo

É tão bom bom, é gostoso
É tão bom fazer o tchuco tchuco

(refrão)

Você é xeque-mate, xeque mate
Bote a mãozinha pra cima

Mas é que eu gosto mesmo é de fazer

Tchuco, tchuco, tchuco, tchuco, gostoso
Tchuco, tchuco, tchuco, tchuco, do povo
Tchuco, tchuco, tchuco, tchuco, gostoso
Tchuco, tchuco, tchuco, tchuco, do povo

E se parar a galera quer de novo

Psirico – Samba Eletrônico

dezembro 15, 2008

Quando o samba vitrola maluco
Que essa galera tá afim de dançar
Esse samba contagia alegria
Vem nessa que o povo pode se jogar
Eu vou nessa que a chapa tá quente
O groove do Psi é bem legal
Quero ver todo mundo louco…
com a mão pra cima que é carnaval!

Liberta o som Dj
que a galera tá afim de dançar
Olha liberta o som Dj
a festa do Psi não pode parar
Liberta o som Dj
que a galera tá afim de dançar
Liberta vai… ( vai, vai, vai, vai)

Em mistura de hip hop
E guitarra de rock and roll
Psirico eletrônico, todo mundo se jogou [2x]

Liberta o som Dj
que a galera tá afim de dançar
Olha liberta o som Dj
a festa do Psi não pode parar
Liberta o som Dj
que a galera tá afim de dançar
Liberta vai… ( vai, vai, vai, vai)

Branca de Neve: Veneranda senhora

dezembro 14, 2008

21.12 – 71 anos do primeiro desenho animado em longa-metragem


Maria de Fatima Dannemann

Quem diria! A jovem princesinha dos lábios vermelhos como uma rosa, cabelos negros como ébano e pele branca como a neve é hoje uma veneranda senhora. Uma espécie de mãe de todas as princesas e heróis que apareceram nos desenhos animados de longa-metragem, Branca de Neve e os Sete Anões completa 71 anos nesse final de ano. Foi no dia 21 de dezembro de 1937, no Carthay Circle, em Hollywood, que Walt Disney apresentou o desenho pela primeira vez. Maravilhou os críticos e arrecadou milhões logo na primeira semana de exibição.
Ao ver a princesa cantando e dançando com Mestre, Dunga, Atchin, Zangado, Dengoso, Soneca e Feliz, ninguém poderia adivinhar que até chegar às telas o filme envolveu três anos de produção, 750 artistas, que redesenharam a história três vezes, 800 quilômetros de papel, 2 milhões de desenhos e muitas intrigas de bastidores. Uma delas, a de que Walt não gostava de ver ninguém parado e chegou a se mudar para o estúdio e dormir no divã do escritório só para fiscalizar melhor a produção.
Foi um outro conto infantil que animou Disney a levar a animação às últimas conseqüências naquelas tempos em que a depressão complicava a vida do cinema americano, obrigando exibidores a fazerem rifas e oferecerem programação com dois longas-metragens para atrair o público. Em 1933, Disney lançou o curta de animação Os Três Porquinhos. Já naquele tempo, o lançamento foi acompanhado de merchandising, com a venda de bonequinhos do lobo mau e os três porquinhos.
No ano seguinte, a América inteira cantava “who’s afraid of the big bad wolf” (que virou uma espécie de hino dos tempos da depressão), o filme começou a dar lucro e Disney conseguiu US$ 1 milhão para o estúdio. Então, começou a pensar no conto dos irmãos Grimm sobre a princesa enfeitiçada pela madrasta-bruxa por causa das intrigas do Espelho Mágico. Branca de Neve era, inicialmente, o projeto de um curta. O primeiro desenho em longa-metragem seria Alice no País das Maravilhas, mas um filme com ação ao vivo adiou o projeto por 20 anos (só veio a acontecer na década de 50) e o que seria um curta se tornou um projeto ambicioso e novo para a década.
Corria o ano de 1935, quando Walt Disney esboçou o argumento do filme, reuniu a imprensa e anunciou a produção. Para isto, o espaço físico do estúdio foi ampliado. Disney representou toda a história para a equipe, todos os funcionários aplaudiram. Só seu irmão, Roy Disney, viu com reservas o projeto, pensando na folha de pagamento: os salários pularam de US$ 20 para US$ 300, em média. Para garantir a produção, Disney prometeu horas extras e vantagens. No final, o filme consumiria US$ 1,7 milhão, mas a arrecadação das bilheterias mostraria que Disney estava certo em apostar no projeto.
Dave Hand foi o diretor do filme e Arthur Babbit o encarregado da animação da protagonista. Aí, aconteceu um pequeno incidente. A bailarina Marge Champion (na época Marjorie Belcher) foi contratada para posar no filme. Todos os dias ela se vestia de princesa e dançava para Babbit lhe filmar e desenhar. Os dois se apaixonaram, tiveram um caso e só não foram despedidos porque se casaram inesperadamente. Mesmo assim, o marido foi transferido para a animação da rainha má.
No final de 1937, o filme ficou pronto. “Depois que consegui dinheiro para o filme, pensei em mandar meus desenhistas para a escola. Estávamos lidando com coisas novas: o fluir do movimento, a ação e reação”, disse Disney, depois. Os mínimos detalhes foram estudados e os resultados, visíveis, de imediato. No final da primeira semana de exibição, já encabeçava a lista dos mais exibidos, juntamente com Jezebel, Robin Hood e Do Mundo Nada Se Leva. Sua primeira temporada rendeu US$ 8 milhões, nos tempos em que os ingressos custavam 25 cents.
Foi distribuído em 46 países, dublado em 10 línguas, músicas como Whistle While Your Work e Heigh Ho têm sido cantadas no original, ou dubladas, por gerações inteiras, desde então. Ganhou um Oscar especial (uma estátua grande e sete menores representando os anões) e abriu caminnho para uma verdadeira galeria de personagens, que continuou com Pinóquio, teve seu exemplar mais recente em Hércules e encantou as gerações mais novas com O Rei Leão.

Timbalada – Pedindo Pra Voltar

dezembro 14, 2008

ai, ai, ai, ai (3x)

Fica me pedindo pra voltar
Se quiser que eu volte, voltarei
Mas eu so lhe peço uma coisa,
Não faça novamente o que fez
Enciumava ate do meu perfume,
E dos meus amigos também tinha ciume

Eu vou lhe beijar mais uma vez,
Não faça novamente o que fez

Hinos – São Paulo

dezembro 9, 2008

Salve o Tricolor Paulista
Amado clube brasileiro
Tu és forte, tu és grande
Dentre os grandes és o primeiro
Tu és forte, tu és grande
Dentre os grandes és o primeiro
Ó Tricolor
Clube bem amado
As tuas glórias
Vêm do passado
Ó Tricolor
Clube bem amado
As tuas glórias
Vêm do passado
São teus guias brasileiros
Que te amam eternamente
De São Paulo tens o nome
Que ostentas dignamente
De São Paulo tens o nome
Que ostentas dignamente
Ó Tricolor
Clube bem amado
As tuas glórias
Vêm do passado
Ó Tricolor
Clube bem amado
As tuas glórias
Vêm do passado

São Paulo clube querido
Tu tens o nosso amor
Teu nome e as tuas glórias
Tem honra e resplendor
Teu nome e as tuas glórias
Tem honra e resplendor
Ó Tricolor
Clube bem amado
As tuas glórias
Vêm do passado
Ó Tricolor
Clube bem amado
As tuas glórias
Vêm do passado
Tuas cores gloriosas
Despertam um amor febril
Pela terra bandeirantes
Honra e glória do Brasil
Pela terra bandeirante
Honra e glória do Brasil
Ó Tricolor
Clube bem amado
As tuas glórias
Vêm do passado
Ó Tricolor
Clube bem amado
As tuas glórias

 

Jingle bells

dezembro 8, 2008

Dashing through the snow
In a one-horse open sleigh
Through the fields we go
Laughing all the way.
Bells on bob-tail ring
Making spirits bright
What fun it is to ride and sing
A sleighing song tonight.

chorus:
Jingle bells, jingle bells
Jingle all the way,
Oh what fun it is to ride
In a one-horse open sleigh, O
Jingle bells, jingle bells
Jingle all the way,
Oh what fun it is to ride
In a one-horse open sleigh.

A day or two ago
I thought I’d take a ride
And soon Miss Fanny Bright
Was seated by my side;
The horse was lean and lank
Misfortune seemed his lot,
We ran into a drifted bank
And there we got upsot.

chorus

A day or two ago
The story I must tell
I went out on the snow
And on my back I fell;
A gent was riding by
In a one-horse open sleigh
He laughed at me as
I there sprawling laid
But quickly drove away.

chorus

Now the ground is white,
Go it while you’re young,
Take the girls along
And sing this sleighing song.
Just bet a bob-tailed bay,
Two-forty as his speed,
Hitch him to an open sleigh
and crack! You’ll take the lead.

Have Yourself A Merry Little Christmas

dezembro 1, 2008

Have yourself a merry little Christmas
Let your heart be light
From now on, our troubles will be out of sight

Have yourself a merry little Christmas
Make the Yuletide gay
From now on, our troubles will be miles away

Here we are, as in olden days
Happy golden days of yore
Faithful friends who are dear to us
Gather near to us
Once more

Through the years, we all will be together
If the fates allow
Hang a shining star above the highest bough
And have yourself a merry little Christmas now